PROGRAMA MUNICIPAL E ASSISTÊNCIA TÉCNICA RESULTAM EM NOVO RECORDE DE PRODUÇÃO LEITEIRA EM 2019

 

15/07/2020

 


 

A bovinocultura de leite é um dos destaques do setor primário de Novo Tiradentes, com impacto social e econômico muito significativo para o município. Sendo assim, foi criado em 2017 a política pública que instituiu o Programa Municipal Mais Pasto Mais Leite, que é referência para vários municípios da região.

Com o objetivo de aumentar a produtividade leiteira buscou realizar um diagnóstico da situação atual da atividade no município. A partir de então, juntamente com a Secretaria da Agricultura e Meio Ambiente, Escritório Municipal da Emater e lideranças foi criado o Programa Mais Pasto Mais Leite, que tem a finalidade de manter as famílias no campo, garantindo a sucessão familiar, gerando mais empregos e aumentando a renda. Os resultados deste programa se revertem em recursos para todos os setores do Município, melhorando a qualidade de vida das pessoas.

O Programa visa a implantação de pastagem perene (tifton 85), bem como novas técnicas que garantam maior quantidade e qualidade nutritiva a alimentação dos animais, gerando assim, maior produtividade e rentabilidade.

Esta política pública disponibiliza como incentivo às famílias produtoras de leite de R$ 2.000,00 a fundo perdido, para a compra das mudas de grama e adubação, além de quatro horas máquinas gratuitas para o preparo do terreno. Ao longo destes três anos, foram beneficiadas 39 famílias, distribuídos R$ 78.000,00 e 154 horas máquina.

É disponibilizado gratuitamente aos produtores, acompanhamento técnico e capacitações que possibilitem a melhoria das atividades na propriedade, gerando desenvolvimento e qualidade de vida.

Em 2019 o município alcançou a marca de 4,6 milhões de litros de leite comercializados para indústria, frente aos 3,2 milhões de litros do início do programa em 2017. Este incremento em produção significa mais de R$ 2.000.000,00 que podem girar no comércio local, aumentando o poder de compra e negociação dos produtores.

De acordo com Luciano Schievenin Engenheiro Agrônomo, do escritório municipal da Emater/RS-Ascar, coordenador do programa, na primeira turma de 2017, foram beneficiadas 19 famílias, que apresentavam produção de 794.506 litros/leite/ano, passando para 1.008.523 em 2018 e 1.172.688 litros de leite em 2019 totalizando um incremento de 47,59 % na produção em dois anos. Sendo que algumas famílias chegaram a ampliar em mais de 150% a produção, como é o caso da família Carboni da linha São José que saltou de 39.622 litros/leite em 2017 para 102.513 litros/leite comercializados em 2019, superando totalmente as expectativas iniciais do programa que eram de 20 %.

Para a família Carboni, “O programa serviu como um incentivo para melhorar e investir na atividade leiteira que muitas vezes ficava de lado. Sendo que com assistência técnica é possível planejar e fazer corretamente o que é necessário para ampliar cada vez mais a produtividade dos nossos animais”, complementa Isair.

Os dados da segunda e terceira turma de beneficiados estão sendo analisados e posteriormente serão divulgados. Lembrando também que nos próximos dias será lançado o edital de chamamento público para quarta edição do programa Mais Pasto Mais Leite. Todas as informações serão divulgadas pelos meios de comunicação da Prefeitura e Escritório Municipal da Emater.

 

 

Compartilhe:

 


RECEBA NOVIDADES EM SEU E-MAIL

Prefeitura Municipal de Novo Tiradentes

Rua Lucio Cavalli 246, Centro - CEP 98370-000
Fone: +55 (55)3797-1100

Desenvolvido por Estúdio A